Por que uma emissora pública regional precisa de um telejornal nacional? O caso do “Brasil em Rede” (Rede Minas-MG)

Autores

  • Gustavo Teixeira de Faria Pereira Universidade Federal de Juiz de Fora
  • Iluska Maria da Silva Coutinho Universidade Federal de Juiz de Fora

DOI:

https://doi.org/10.4000/cp.5096

Palavras-chave:

telejornalismo público, telejornalismo local, representação, Brasil em rede, materialidade audiovisual

Resumo

Com o fenômeno da globalização, as sociedades têm se tornado cada vez mais abertas e a mídia cada vez mais mundial e (inter)nacional. No entanto, no caminho contrário temos a comunicação de caráter local, que novamente vem ganhando força, principalmente a partir da necessidade cada vez maior do cidadão regional ou local de se sentir representado nas narrativas construídas. Nesse sentido, temos o conceito de mineiridade como relevante para entendermos a identidade mineira, que é reconhecida nacionalmente, mas muitas das vezes acaba silenciada na mídia de veiculação nacional, por não ser o Estado uma potência nem política nem econômica, apesar de ser aquele com maior número de cidades do país. A partir dessa tensão, o objetivo desse artigo é analisar o recém-implantado telejornal Brasil em Rede, buscando entender porquê uma emissora regional (Rede Minas) produz e veicula um telejornal de caráter nacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Berger, P. L., & Luckam, T. (1985). A construção social da realidade: tratado de sociologia do conhecimento. Tradução de Floriano de Souza Fernandes. Petrópolis, Brasil: Vozes.

Cajazeira, P. E. (2015). A participação no Jornalismo em TV: do analógico ao digital. Telejornal e praça pública: 65 anos de telejornalismo, (pp. 181-206). Coleção Jornalismo Audiovisual. V.4. Florianópolis, Brasil: Insular.

Coutinho, I. (2016). O telejornalismo narrado nas pesquisas e a busca por cientificidade: A análise da materialidade audiovisual como método possível. In: Anais XXXIX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, 2016, São Paulo, SP. Anais eletrônicos... São Paulo, Brasil: USP. Disponível em: <http://portalintercom.org.br/anais/nacional2016/resumos/R11-3118-1.pdf> [Consult. em 10 de julho de 2018).

Coutinho, I. (2012). Dramaturgia do telejornalismo: a narrativa da informação em rede e nas emissoras de televisão de Juiz de Fora-MG. Rio de Janeiro, Brasil: Mauad X.

Hall, S. (1996). Identidade cultural e diáspora. Revista do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (pp. 68-75). Rio de Janeiro, Brasil IPHAN.

Porcello, F. A. C. (2011). Desafios, limites e possibilidades da Rede de pesquisadores em Jornalismo. Brazilian Journalism Research, 7(2), pp. 43-57. Disponível em: [Consult. em 15 de julho de 2018].

Reis, L. M. (2007). Mineiridade: identidade regional e ideologia. Cadernos de História, Belo Horizonte, 9(11), 89-97..

Rocha, S. M. (2003). Identidade Regional, Produção e Recepção: A “Mineiridade” na Televisão. In: Congresso Nacional De Pós-Graduação Em Comunicação – Compós, 12 Recife, PE, Brasil. Disponível em: <http://www.compos.org.br/data/biblioteca_1026.PDF> [Consult. em 13 de junho de 2018].

Sawaia, B. B. (1999). Comunidade como ética e estética da existência: uma reflexão mediada pelo conceito de identidade. Psykhe. 8 (1), 19-25.

Secom, Secretaria de Comunicação da Presidência da República. (2016). Pesquisa Brasileira de Mídia (PMB 2016). Disponível em: <http://pesquisademidia.gov.br/#/Geral/details-917> [Consult. em 15 de julho de 2018].

Silva, E. M. & Alves, Y. M.. (2016). Telejornalismo Expandido: A Apropriação de Redes Sociais e Aplicativos pelo Jornalismo Televisivo. Disponível em <http://portalintercom.org.br/anais/nacional2016/resumos/R11-2503-1.pdf> [Consult. em 16 de julho de 2018].

Silva, T. T., Hall, S. & Woodward, K. (2000). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis, Rio de Janeiro, Brasil: Vozes.

Wolton, D. (1996). Elogio do Grande Público: uma teoria crítica da televisão. Tradução de José Rubens Siqueira, Série Temas, vol. 52. São Paulo, Brasil: Editora Ática.

Downloads

Publicado

2021-09-21

Como Citar

Teixeira de Faria Pereira, G., & Maria da Silva Coutinho, I. (2021). Por que uma emissora pública regional precisa de um telejornal nacional? O caso do “Brasil em Rede” (Rede Minas-MG) . Comunicação Pública, 14(27). https://doi.org/10.4000/cp.5096

Edição

Secção

DOSSIÊ TEMÁTICO: Desinformação, Jornalismo e Modelos de Negócio