Análise da variabilidade de medição interoperador de parâmetros pré e pós-operatórios em olhos com implante de lente de colâmero implantável (ICL) através da tomografia de coerência ótica do segmento anterior

Autores

  • Bruno Pereira Ortoptista. Hospital Vila Franca de Xira. Vila Franca de Xira, Portugal
  • Catarina Pereira Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa. Lisboa, Portugal
  • Catarina Lopes Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa. Lisboa, Portugal.
  • Maria Narciso Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa. Lisboa, Portugal
  • Raquel Moura Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa. Lisboa, Portugal
  • Sara Silva Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa. Lisboa, Portugal
  • Andreia Rocha Ortoptista. Hospital Vila Franca de Xira. Vila Franca de Xira, Portugal

Palavras-chave:

Repetibilidade, Tomografia de coerência ótica, Segmento anterior, Vault, ICL

Resumo

Introdução – As lentes ICL (Implantable Collamer Lens) são uma alternativa aos procedimentos refrativos mais convencionais. O seu implante pode desencadear complicações, que podem ser minimizadas se forem efetuadas medições pré e pós-operatórias fiáveis. O objetivo deste estudo é analisar a variabilidade interoperador das medições pré e pós-operatórias, utilizando imagens obtidas através de tomografia de coerência ótica do segmento anterior. Métodos – Utilizando o equipamento SD-OCT Spectralis®, dois ortoptistas mediram o diâmetro inter esporão escleral, o diâmetro pupilar e o vault, em 60 imagens de 30 olhos implantados com lentes ICL. Para a análise estatística foram utilizadas estatísticas descritivas, o teste t para o valor médio para amostras independentes, tendo-se ainda calculado o coeficiente de correlação intraclasse. Foram ainda construídos gráficos de dispersão de Bland-Altman Plot. Resultados – Avaliando o coeficiente de correlação intraclasse, todas as medições em estudo apresentaram uma concordância excelente entre os dois operadores. No teste t observaram-se diferenças estatisticamente significativas entre os dois operadores, apenas para as medições do vault, com possível impacto clínico. Quanto às medidas de diâmetro inter esporão escleral, apesar da ausência de diferenças estatisticamente significativas, existiram algumas diferenças com significância clínica que devem ser corrigidas no futuro. Conclusões – Diferenças de medição interoperador devem ser avaliadas estatisticamente, mas também clinicamente, pois apesar da ausência de diferenças estatisticamente significativas o seu impacto clínico deve ser avaliado, ponderado e, quando necessário, corrigido.

Referências

Martínez-Plaza E, López-Miguel A, Holgueras A, Barraquer RI, Alió JL, Maldonado MJ. Phakic intraocular lenses: recent advances and innovations. Arch Soc Esp Oftalmol. 2020;95(4):178-87.

Montés‐Micó R, Ruiz‐Mesa R, Rodríguez‐Prats JL, Tañá‐Rivero P. Posterior‐chamber phakic implantable collamer lenses with a central port: a review. Acta Ophthalmol. 2020;99(3):e288-301.

Packer M. The implantable collamer lens with a central port: review of the literature. Clin Ophthalmol. 2018;12:2427-38.

Packer M. Meta-analysis and review: effectiveness, safety, and central port design of the intraocular collamer lens. Clin Ophthalmol. 2016;10:1059-77.

Gonzalez-Lopez F, Mompean B, Bilbao-Calabuig R, Vila-Arteaga J, Beltran J, Baviera J. Dynamic assessment of light-induced vaulting changes of implantable collamer lens with central port by swept-source OCT: pilot study. Transl Vis Sci Technol. 2018;7(3):4.

Gargallo-Martinez B, Garcia-Medina JJ, Rubio-Velazquez E, Fernandes P, Villa-Collar C, Gonzalez-Meijome JM, et al. Vault changes after cyclopentolate instillation in eyes with posterior chamber phakic intraocular lens. Sci Rep. 2020;10(1):9646.

Alfonso JF, Fernández-Vega L, Lisa C, Fernandes P, González-Meijome J, Montés-Micó R. Long-term evaluation of the central vault after phakic Collamer® lens (ICL) implantation using OCT. Graefes Arch Clin Exp Ophthalmol. 2012;250(12):1807-12.

Fernández-Vega-Cueto L, Lisa C, Esteve-Taboada JJ, Montés-Micó R, Alfonso JF. Implantable collamer lens with central hole: 3-year follow-up. Clin Ophthalmol. 2018;12:2015-29.

Fernandes P, González-Méijome JM, Madrid-Costa D, Ferrer-Blasco T, Jorge J, Montés-Micó R. Implantable collamer posterior chamber intraocular lenses: a review of potential complications. J Refract Surg. 2011;27(10):765-76.

Kato S, Shimizu K, Igarashi A. Vault changes caused by light-induced pupil constriction and accommodation in eyes with an implantable collamer lens. Cornea. 2019;38(2):217-20.

Gonzalez-Lopez F, Bilbao-Calabuig R, Mompean B, Luezas J, Ortega-Usobiaga J, Druchkiv V. Determining the potential role of crystalline lens rise in vaulting in posterior chamber phakic collamer lens surgery for correction of myopia. J Refract Surg. 2019;35(3):177-83.

Zhu Y, Zhang J, Zhu H, Chen J, Zhou J. The effect of mydriasis on moderate-to-high myopic eyes with implantable collamer lenses V4 and V4c. Eur J Ophthalmol. 2020;30(3):462-8.

Lee H, Kang SY, Seo KY, Chung B, Choi JY, Kim KS, et al. Dynamic vaulting changes in V4c versus V4 posterior chamber phakic lenses under differing lighting conditions. Am J Ophthalmol. 2014;158(6):1199-204.e1.

Lindland A, Heger H, Kugelberg M, Zetterström C. Changes in vaulting of myopic and toric implantable collamer lenses in different lighting conditions. Acta Ophthalmol. 2012;90(8):788-91.

Nakamura T, Isogai N, Kojima T, Yoshida Y, Sugiyama Y. Implantable collamer lens sizing method based on swept-source anterior segment optical coherence tomography. Am J Ophthalmol. 2018;187:99-107.

Asam JS, Polzer M, Tafreshi A, Hirnschall N, Findl O. Anterior segment OCT. In: High resolution imaging in microscopy and ophthalmology. Cham: Springer; 2019. p. 285-99.

Downloads

Publicado

23-06-2022

Como Citar

Pereira, B., Pereira, C., Lopes, C., Narciso, M., Moura, R., Silva, S., & Rocha, A. (2022). Análise da variabilidade de medição interoperador de parâmetros pré e pós-operatórios em olhos com implante de lente de colâmero implantável (ICL) através da tomografia de coerência ótica do segmento anterior. Saúde & Tecnologia. Obtido de https://journals.ipl.pt/stecnologia/article/view/487

Edição

Secção

Artigos